Menino escreve cartinha para pedir desculpas a vizinhas por bolas terem caído no quintal delas




O estudante Murilo Habash de Andrade, de 8 anos, e as vizinhas dele deram uma aula de gentileza e respeito, em Anápolis, a 55 km de Goiânia. O garoto enviou uma carta às moradoras da casa que fica aos fundos da dele pedindo desculpas por ter deixado bolas caírem no quintal delas. As duas moradores responderam devolvendo os brinquedos e dando bombons.

"Vizinho da casa amarela, desculpa. Às vezes jogo bola com minha irmã, e a bola voa", escreveu o menino no bilhete.

Mãe de Murilo, a professora Samia Marouf Habash contou que a iniciativa foi do garoto e ela só ficou sabendo depois, quando ele e a irmã, que tem 9 anos, ganharam os chocolates.

“Ele escreveu a cartinha e jogou por cima do muro, pedindo desculpas por ter deixado as bolas caírem no quintal. Elas foram muito gentis, responderam, devolveram as bolas e ainda deram dois bombons: um a ele e outro à irmã”, contou.

O episódio aconteceu no domingo, dia 15. Segundo a professora, as vizinhas se mudaram para lá há duas ou três semanas. Antes disso, a casa estava vazia.

“Eu disse a ele para tomar cuidado, porque tem gente que não gosta e nem todo mundo devolve a bola. Quando eu vi, ele já tinha mandado a cartinha e ganhado os bombons”.

“Achei muito bonito, tanto a consciência dele quanto a consideração delas. Nem imaginava que a gentileza das pessoas viraria notícia”, comentou.