O Monstro da Preocupação: uma metáfora para trabalhar ansiedade com as crianças

Monstro, valentão, preocupação, ansiedade, psicologia, act, terapia, aceitação e compromisso, metáfora, criança, menina


O monstro da preocupação parece muito forte e grande.

Ele diz coisas muito perturbadoras e tenta nos puxar para o grande buraco do medo e desespero.

Automaticamente, puxamos mais forte a corda na direção contrária para impedirmos de sermos arrastados para o buraco.

Esse cabo de guerra é constante e exaustivo. Quanto mais puxamos, mais forte o monstro também puxa, mais forte ele fica!

Quanto mais tentamos "controlar" o monstro, mais ele nos domina!

Puxar a corda é nossa maneira de reagir ao monstro. Damos atenção ao monstro, ouvimo-lo, acreditamos no que ele diz e continuamos a puxar a corda... mais forte, mais forte... Nós alimentamos o monstro!


Mas, e se pudéssemos soltar a corda? O que aconteceria?


O monstro ainda estaria lá, sim! Ele continuaria dizendo o que diz, mas não teria como nos puxar para o grande buraco. Como nós paramos de reagir, de alimentar o valentão, pouco a pouco ele vai ficar mais fraco, pequenininho e mais silencioso.


gif, animação, animado, desenho do monstro, valentão, preocupação, ansiedade, psicologia, act, terapia, aceitação e compromisso, metáfora, criança, menina



Quando você estiver preocupado, solte a corda!


# Observe e reconheça o monstro da preocupação que está em sua mente!
# Não acredite em tudo que o que ele diz!
# Não faça força contra ele, senão você irá alimentá-lo.
# Se você reagir tentando ir contra ele, mais forte ele vai ficar!
# Solte a corda e deixe-o lá no canto dele.
# Desloque o foco de atenção, não alimente-o!
# Faça outra coisa, atente-se conscientemente para outra atividade.



Clique aqui para baixar arquivo .pdf do Monstro da Preocupação para pintar!