“Primeiro vamos tentar, só TENTAR! Depois a gente reclama” diz mãe sobre aula em casa durante quarentena

menina estudanda em casa durante quarentena, aula online na pandemia

Em um post nas redes sociais na última semana, Delma Santos, mãe da Cecília de 9 anos, fez um desabafo onde compartilhou sua opinião sobre o que tem visto de pais durante a pandemia reclamando das aulas em casa para os filhos pequenos.

A publicação, que surpreendeu muitos professores, levou muitos a refletir sobre o assunto e viralizou na internet.

Veja a opinião da mãe em post no facebook:
(Não esqueça de comentar também a sua opinião)


Gente, está difícil para todo mundo. mas tô vendo muita gente reclamar sem nem tentar, sem nem se esforçar.

Eu estou acompanhando as discussões no grupo da escola de Cecília e está TODO MUNDO sobrecarregado: os pais e os professores também. E acho que os professores mais do que os pais.

A situação é nova e chata para os dois lados. Mas qual a outra alternativa? parar as aulas totalmente? Se tivesse sem aula teria outras pessoas reclamando com certeza! se ninguém fizesse nada, estariam reclamando que os alunos não estão aprendendo. Sempre tem alguém que não está contente.

Ninguém estava esperando uma pandemia. Aula em casa é uma emergência... o que a gente tá vivendo hoje não é um homeschooling mas sim aprendizado-em-situação-de-crise-se-virando-como-pode.

Todos perderam de alguma forma. muitos professores não estavam preparados e lidar com todas essas mudanças não é fácil, mas eu vejo que eles estão tentando.  e porque a gente não tenta também? e tentar de verdade para que o trabalho deles não seja em vão. e se não der certo no final, pelo menos a gente pode falar eu tentei!

Tem pai que diz que em casa o filho não tem atenção, você acha que na escola eles ficam concentrados o tempo todo? Pais que não tem rotina com suas próprias vidas vão sempre criar barreiras para a tarefa de educar seus filhos. Porque você não tenta se esforçar em fazer o melhor possível que você pode em casa antes de tacar pedras na escola ou pior na professora que está se virando como pode para cumprir suas obrigações?

Se os pais soubessem quantas lágrimas esses vídeos tem arrancado de muitos professores, que também foram pegos de surpresa, e que precisam trabalhar, que também tem família, que também tem que ajudar seus próprios filhos a estudarem.

Claro tem dias que a aula em casa flui bem, e tem outros q é só misericórdia. Mas quando tá difícil eu sempre tento pensar que meus filhos estão tendo a oportunidade de serem educados por mim. isso é motivo de orgulho e fico feliz. Cada caso é um caso eu sei que para muitas famílias que nem acesso a internet tem, nem papel em casa, sei que vai ser difícil. mas não foi a pandemia que trouxe essa desigualdade, ela apenas revelou isso que sempre existiu e os professores não tem culpa.

Mamães (e papais), primeiro vamos tentar, só TENTAR! Depois a gente reclama, tá. Quando isso tudo passar, a gente senta com os professores e diz isso deu certo, isso não deu certo. Mas agora, é isso que temos.

Por enquanto aproveitem o tempo com seus filhos!! e tenha um pouco de empatia com os professores que estão se virando para fazer "videos amadores" para que seu filho não fique sem estudar durante meses ou quem sabe o ano todo.




Compartilhar no WhatsApp


Compartilhar no Facebook